Sobre a Copel
Serviços
Produtos e Promoções
Agendar serviço
Artigos e Notícias
Orçamento
Fale Conosco
 
• Manutenção e troca do filtro de ar condicionado
Data da Postagem: 27/07/2010
 

 


Acompanhe nessa reportagem quais as orientações para diagnóstico e manutenção do sistema de filtro de ar, as avarias que pode causar ao conjunto e a troca no Chevrolet Captiva

Carolina Vilanova


Como o próprio nome diz, a função do filtro de ar é filtrar o ar que vem da atmosfera antes que entre na câmara de combustão", afirma Mário Tommey, chefe de assistência técnica da divisão Automotive Aftermarket da Robert Bosch. Com essa definição tão simples, é difícil entender porque os filtros são componentes essenciais para a vitalidade e o bom funcionamento do motor. Mas o fato é que sua manutenção é imprescindível para se garantir o controle de emissões e a vida útil do conjunto.

"Sem manutenção, o veículo pode apresentar aumento do consumo de combustível, principalmente, pela saturação do elemento filtrante, que restringe a passagem de ar. Além disso, o carro sofre com perda de potência e desgaste nas válvulas injetoras e outros componentes móveis, o que acaba acarretando passagem de partículas sólidas para a câmara de combustão", esclarece.

O instrutor técnico do SENAI, Fernando Landulfo, explica que: sem a manutenção periódica, que constitui basicamente a troca do elemento filtrante e a limpeza do seu habitáculo (caixa do filtro), o veículo apresentará aumento de consumo, aumento do nível das emissões de poluentes, irregularidades no funcionamento (marcha lenta) e perda de potência.

"Além disso, um elemento filtrante muito deteriorado pode permitir a passagem de partículas sólidas para o interior do motor. Essas partículas agem como abrasivo, diminuindo drasticamente a vida útil do motor, esclarece."

"O maior prejuízo pela falta da manutenção (troca) no filtro do ar é o aumento no consumo do combustível, fumaça negra no escapamento, perda de potencia e aumento na temperatura do motor", comenta Roberto Rualonga, da assistência técnica da Sofape, empresa que fabrica os filtros TecFil.

Nos veículos de passeio, o conjunto do filtro é composto basicamente por um habitáculo (caixa do filtro), um elemento filtrante e, nos modelos mais recentes, uma mangueira e uma caixa de ressonância. A caixa geralmente é bipartida e seu fechamento se dá através de porcas borboleta, parafusos ou presilhas metálicas.

O meio filtrante é anti-chama e com poder de filtração de partículas de até um mícron (milionésima parte do milímetro), com baixíssima resistência a passagem do ar, além de ser reciclável. É dobrado para formar um plissado, que garante uma maior distribuição da área e da filtração.

Esse tipo de elemento possui bordas em poliuretano que impedem a passagem do ar entre o elemento e a caixa. Aqueles que apresentam maiores áreas, também dispõem de telas metálicas e tiras de poliuretano, que impedem o seu dobramento durante o funcionamento.

A mangueira, quando existente, tem como função conduzir o ar limpo para o carburador ou corpo de borboletas. A caixa de ressonância, instalada anexa à mangueira, tem como função principal reduzir o ruído da admissão.

Todos os fabricantes reforçam: a manutenção do filtro de ar deve ser feita rigorosamente conforme indicada pelo manual do proprietário do veículo. Mas a Mann Hummel alerta que é preciso ficar atento às condições de uso do veículo, ou seja, se é utilizado na cidade ou em estradas de terra, o que altera o prazo de troca.

"Além da verificação por quilometragem, é recomendada uma inspeção visual do elemento, a cada 15 dias. Principalmente se o veículo for utilizado em regiões muito poeirentas ou com excesso de partículas em suspensão (poluentes), como os grandes centros urbanos", orienta Landulfo.

Outro ponto importantíssimo é que o elemento filtrante não pode ser limpo com ar comprimido, para não aumentar o diâmetro dos seus poros, ou seja, perder a sua função. Os elementos de papel também não podem ser lavados ou limpos por meio de impactos, pois forçam as partículas pelos poros.

De acordo com a Bosch, em médio prazo, a tendência nos desenvolvimentos de filtros de ar está centrada em filtros com vida útil maior e com algumas características, como meio filtrante anti-chama ou com camada especial para trabalhar em ambientes que possuem maior poluição.

Utilizar a tecnologia para melhorar o meio filtrante também faz parte dos desenvolvimentos da Mann Hummel, ou seja, prover um meio filtrante de alta eficiência e capacidade de retenção. "Aprimorar o design, os compostos de vedação e a estrutura também melhoram a performance do filtro", diz André Luiz T. Gonçalves, engenheiro consultor técnico da Mann Hummel.

"Nos últimos anos foram desenvolvidos novos tipos de filtros com modificações na construção da estrutura e no meio filtrante, com objetivo de garantir mais eficiência e durabilidade. Em filtros de ar para veículos leves passamos de filtros redondos em plastisol ou de chapa para filtros planos com vedação em poliuretano", comenta Jair Silva, Supervisor de Serviços da Affinia Automotiva.

Lembre-se de alertar o seu cliente de que manter o filtro de ar em boas condições e trocar no período estipulado pelo fabricante do carro, é essencial para o melhor rendimento do motor, economia de combustível, durabilidade ao motor do veículo e prevenção contra falhas de outros componentes mecânicos, proporcionando menores despesas com manutenção. *fonte: Fram


Colaboração técnica: SENAI - Vila Leopoldina

Fonte: Revista O Mecânico.

 
+ News
« Página Anterior  | 2 de 2 |
Telefax: (75) 3276-2577 | 3276-2195
contato@copelautocenter.com.br
Formulário
Confira nossas promoções e Cadastre
seu email para recebe-las em primeira mão.
Clique aqui
Agende seu serviço através do site
e ganhe desconto.
Agendar
Avalie nosso serviço e ganhe desconto no próximo atendimento.
Avaliar
Segunda a Sexta das 08 às 18h | Sábado das 08 as 13h | Av Evência Brito, Sl 5 Centro - Ribeira do Pombal - BA
2022 © Copel Pneus e Auto Center - Todos os direitos reservados